20 de setembro de 2020

Gibiteca leva exposição com releitura de Punk Afonso para Bienal de Quadrinhos

Duas exposições da Gibiteca da Fundação Cultural estarão entre as atrações da 6ª Bienal de Quadrinhos de Curitiba, desta vez em edição virtual. Elas poderão ser conferidas de 20/8 a 23/8, sem precisar sair de casa, no site do evento http://www.bienaldequadrinhos.com.br/ e em suas redes sociais. O tema deste ano será Música e Quadrinhos.

Uma das mostras relacionadas ao espaço cultural é Underground Ilustrado 2: a arte visual da cena musical curitibana, com curadoria de Christiano C. Neto e Daniel Gonçalves e cuja visitação foi suspensa em decorrência das medidas sanitárias para a prevenção da covid-19. Os trabalhos foram escaneados para a versão digital.

A outra é Punk Afonso, releitura feita por 21 artistas sobre o personagem publicado por Rodrigo Belato durante mais de três décadas e organizada pela Gibiteca. “É a nossa homenagem a ele, que faleceu em junho”, explica o coordenador do local, Fúlvio Pacheco.

Participarão dessa homenagem Amanda Barros, Andrea Horn, Antônio Eder, Ariel da Cunha, Celina Pacheco, Christiano Carstensen Neto, Daniel Gonçalves, Dias Silveira, Ganço, Edson Kohatsu, Fabrizio Andriani, Gabriel Baltazar Souza, Luri Kohatsu, Marcelo Bitencourt, Marcia d´Haese, Marcelo Lopes, Marcos Vaz, Ma Matiazi, Rodney Rauth e Thiago Sales e o próprio Fulvio Pacheco, que também é quadrinista.

A Gibiteca também é parceira da Bienal de Quadrinhos na versão virtual da nova Bienal Publica – revista financiada com recursos da Lei de Incentivo à Cultura. Sua finalidade é reunir os melhores trabalhos inscritos no edital lançado pelo espaço cultural para divulgar os artistas locais. 

Outras atrações

Coordenada por Fabrizio Andriani, Luciana Falcon e Greice Barros e com curadoria de Fabio Zimbres (revista Animal) e Mitie Taketani (Itiban Comics Shops), a Bienal de Quadrinhos trará uma terceira exposição – Luiz Gê e Arrigo Barnabé. Esta parceria entre o artista e músico e o compositor londrinense também será tema de um dos debates ou conversas musicadas do evento. Também foram convidados para os bate-papos o italiano Tanino Liberatore (que falará sobre sua experiência como músico e quadrinista) e Ing Lee (sobre quadrinhos e surdez). 

A 6ª Bienal de Quadrinhos de Curitiba terá diversas opções debates, palestras, oficinas e conversas musicadas que os fãs do mundo geek não podem perder, em datas e horários ainda a serem definidos. Confira:

Debates (Facebook e YouTube da Biena)l 
Luiz Gê e Arrigo Barnabé – além da exposição também participarão de um bate-papo com uma apresentação musical.
Rock n Comics – com Fábio Lyra e Fabio Vermelho.
Humor Jazz e Censura – com Reinaldo Figueredo, Adão Iturrusgarai e Benett.
Quadrinhos de Los Hermanos – com Sol Diaz , Delius Marco Tóxico e Amadeo Gonzales. Arte na Quebrada – com Rafael Calça , Douglas Lopes e Naju MC.
Punk já morreu? – com Psonha, Chico Félix e Priscila Farias.

Palestras (Facebook e YouTube)
Com Tanino Liberatore e Ing Lee

Oficinas (Zoom e mídias da Bienal) 
Tirinhas Criativas – com Chico Lam.
Desenhos com Estêncil – com Rodrigo Okuyama.
Quadrinhos para quem não sabe fazer Quadrinhos – com Lielson Zeni e Maria Clara Carneiro.
 Webcomics – com Lu Caffagi (Oficina da Bienal Publica).

Convidados ds Conversas Musicadas (novidade)
Luiz Gê, Arrigo Barnabé, André Abujamra, Luciano Lagares, João Lin , Steviz, Paula Puiupo e Paola Perdida.